sábado, 20 de março de 2010


 Foto Google
A lagartinha Vivi

A lagartinha Vivi
Sentou numa cadeira de gravetos
Ficou ali esperando o sol abrandar
De repente, ele se escondeu por trás de uma folha
Muito depressa Vivi sapateou pelo chão
A balançar seu traseiro
E se foi aproveitando a sombra
Não queria perder sua cor verde-limão

3 comentários:

Anne Lieri disse...

Teresa,que graça de lagartinha!Amei!Esse seu blog é uma delicia!Bjs,

Dalinha Catunda disse...

Oi Teresa,
Adorei sua a lagartinha, e vim ver se ela já se transformou em borboleta.
Bjs,
Dalinha Catunda

Regina Guedes disse...

Esta lagartinha é bem esperta!
Muito gostoso de ler!
Regina