terça-feira, 12 de janeiro de 2010

Brincadeira de criança e poesia


Em horas da brincadeira
A criança descobre os tons da fantasia (:)
Esconde- esconde num jardim de flores...
Vermelhas brancas azuis
Em pétalas sorrindo (pura emoção!)
Deixa-se ser buquê numa inocente imaginação
E os olhos curumins borboleteiam
Nos braços do farol (mágico) do sol
É um baile de alegria!
Onde mora o sonho? Há uma festa no ar?
Confetes e serpentinas enfeitiçam 
O coração de quem se prende
Nos versos escritos na poesia...
... De uma brincadeira infantil.


Um comentário:

Chica disse...

OS SONHOS MORAM EM TODOS NÓS...SEM ELES,NÃO TEM A MAGIA!BEIJOS,CHICA